03
Dez 12

image from: xlovetohatex.tumblr.com

 

 

Muitos recitam que vivemos para amar.

Eu acredito que amamos para viver,

Á procura da definição de ser.

E tudo o resto é paisagem

Como num ringue de patinagem,

Em que o publico é indiferente.

 

Ao ritmo da vida

Chega a altura em que o tempo finda,

E ficas sem par…

Até á altura que voltas desfrutar

De alguém para amar,

Que te faça viver!

 

E, mesmo quando a mente mente,

Sorridente,

De olhos presentes no presente, no futuro,

A fugir do escuro,

Esperas a bonança

Seguida á tempestade.

Até que a encontras…

E irradias felicidade como uma criança

publicado por Eros às 22:19

Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

pesquisar
 
blogs SAPO